Sexta-feira, 6 de Outubro de 2006

Tanta sensualidade...

Tanta Sensualidade!

 

Esbanjas fêmea quando passas

Mulher que desperta mil sentidos

Que até os mais Santos embaraças

E se sentem por ti também perdidos

 

Perfumada e de andar com graça

Saia curta e justa blusa

És a própria tentação que passa

E tanta sedução já não se usa

 

E eu vi-te por mim a passar

Seguindo-te com olhar de desejo

E esse mesmo veio desenhar

 

Um soneto em forma de beijo

Que enfim fica por dar

Quando a passar por mim te vejo!

 

6 de Outubro de 2006

publicado por Paulo César às 10:54
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tanta sensualidade...

.arquivos

. Maio 2010

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Setembro 2008

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds